Como Utilizar Alavancagem e Margem no FOREX

A esta altura, você já deve ter visto estes dois termos em algum lugar. Na verdade, alavancagem e margem são dois conceitos interligados. Em termos gerais, alavancagem em FOREX consiste em operar no mercado com fundos emprestados da corretora. Já a margem é a contrapartida proporcional a alavancagem que você deve possuir em sua conta.

Por exemplo, se você deseja utilizar uma alavancagem de 50:1 numa operação, a sua corretora determina que você deve possuir no mínimo 2% de margem em conta. Ou seja, você deve ter pelo menos 2% do valor total que pretende investir em fundos disponíveis. Só então você estará autorizado a prosseguir com a operação. Veja na tabela abaixo uma comparação entre as relações de alavancagem e a margem mínima requerida:

Alavancagem Margem Mínima
400:1 0,25%
200:1 0,5%
100:1 1%
50:1 2%
40:1 2.5%
30:1 3.3%
20:1 5%
10:1 10%

Como um investidor em FOREX, é importante que você entenda bem tanto os benefícios quanto as armadilhas que operar com alavancagem pode representar. Utilizar uma alavancagem de 50:1, por exemplo, significa que é posível operar com até 50 Dólares para cada Dólar que você tiver disponivel em sua conta. Ou seja, mesmo que você tenha apenas 100 Dólares na sua conta, a alavancagem torna possível movimentar até 5000 Dólares nas suas operações.

A alavancagem é uma ferramenta que, se bem utilizada, pode ampliar os seus ganhos muitas vezes. No entanto, os riscos também aumentam na mesma proporção.

Vamos supor que você deseja iniciar uma operação nas seguintes condições:

Par Cotação Alavancagem
EURUSD 1.2300 30:1

 

A sua margem para esta operação é de 3,3% (1/30 = 0.033, ou 3,3%). Você avaliou as tendências do mercado e acredita que o Euro irá valorizar em breve. Portanto, você decide iniciar uma ordem de compra no valor de EUR 100,000. Até então, a operação indica o seguinte:

Ordem de Compra Total Margem (3,3%)
EUR 100,000 USD 123,000 USD 4.059

Como você pode ver, para executar a ordem de compra acima, ao custo de USD 123,000 Dólares, você precisa possuir apenas USD 4,059 Dólares na sua conta junto a corretora. Vamos agora analisar o cenário ideal para este investimento:

PIP: Como o Euro é cotado até a quarta casa decimal, cada PIP do Euro é equivalente a 0.01% do valor total da operação. Este valor é expresso em USD, já que o Dólar é a Moeda de Cotação no par escolhido. Neste caso, cada PIP corresponde a USD 10.

Stop Loss: Como você é um investidor iniciante, o mais indicado é que você opere com limites mais baixos. Assim, você determina um Stop Loss de 50 PIPs. Isso quer dizer que, caso a cotação do Euro caia mais de 50 PIPs, a sua posição será encerrada, e você perderá no máximo 500 Dólares.

Lucro/Prejuízo: Você deu sorte, e a sua previsão de valorização foi confirmada. A cotação subiu para EURUSD 1.2500 na mesma semana da sua operação inicial. Você decide encerrar a sua posição com um lucro de 200 PIPs, que correpondem a USD 2,000.

Em outras palavras, você comprou EUR 100,000 ao preço de USD 123,000 na sua operação inicial. Ao encerrar esta posição dias depois, vendendo os seus Euros, você obteve USD 125.000. A diferença de USD 2,000 é o seu lucro bruto.

Exemplo do uso de Alavancagem 30:1

para EURUSD

  Com Alavancagem Sem Alavancagem
Compra USD 123,000 USD 4,059
Venda USD 125,000 USD 4,125
Lucro Bruto USD 2,000

USD 66

 

Ao usar de alavancagem, você foi capaz de gerar um retorno de 49,27% sobre o investimento inicial. Nada mal, não é mesmo?

Minimizando os Riscos ao Usar Alavancagem em FOREX

Fica claro que o uso de alavancagem e margem nas suas operações pode representar uma oportunidade incrível de multiplicar os seus ganhos no FOREX. No entanto, é importante deixar claro que quanto maior for a alavancagem utilizada, maiores são as chances de você perder dinheiro.

É importante que você seja racional quando estiver perdendo. Lembre-se: para ser bem-sucedido no FOREX, é fundamental que você deixe as emoções de fora das suas operações. Saber a hora de desistir de uma operação na qual você está perdendo dinheiro é um dos maiores desafios. Use pontos de Stop Loss conservadores para evitar surpresas desagradáveis.

No início, procure operar com alavancagens baixas, como 5:1 ou 10:1, até você compreender os riscos e oportunidades envolvidos. Usar uma alavancagem de 100:1, por exemplo, significa que uma oscilação negativa de 1% poderia ser o suficiente para zerar a margem que você investiu na operação.