AutorAutor: Chris CammackPublicado: fevereiro 15, 2024
EditorEditor: Vanessa MarcosAtualizado: fevereiro 15, 2024

Atualizado em fevereiro 15, 2024

Chris Cammack

O lançamento dos ETFs de Bitcoin no mês passado foi, segundo todos os relatos, um pouco decepcionante. Em vez de impulsionar o preço da Bitcoin e outras criptomoedas com grande participação de mercado, a aprovação de 11 ETFs de Bitcoin pela SEC a 11 de janeiro de 2024 pareceu ter o efeito oposto. Analistas argumentaram que a medida da SEC já estava planeada e apontaram para a subida bullish da Bitcoin no outono, que fez subir o preço de $26.000 em setembro para $47.000 em janeiro. No entanto, muitos traders independentes foram pegos de surpresa, e a queda do preço para um valor inferior a $40.000 após a aprovação agitou a ansiedade ainda presente na comunidade cripto. Este instrumento financeiro tem tido alguns anos traumáticos.

Mas fevereiro conta uma história bem diferente. Desde o início do mês, o BTC/USD disparou, rompendo a barreira psicológica crucial dos $50.000 para se manter estável na casa dos $53.000.

“Após um lançamento decepcionante de vários ETFs de bitcoin, estamos agora vendo entradas contínuas em fundos recém-emitidos, e acredito que, em resultado, podemos ver uma demanda orgânica muito maior pelo bitcoin”, disse James Butterfill, diretor de pesquisa do grupo de investimento em criptoativos CoinShares.

De acordo com os dados disponibilizados pela CoinShares, os ETFs de bitcoin recentemente aprovados atraíram cerca de 3 bilhões de dólares em fluxos líquidos desde o seu lançamento. Esse aumento de interesse por parte dos investidores institucionais tem estimulado os traders independentes. Prevê-se que taxas de juros mais baixas em 2024 aumentarão o interesse em ativos de maior risco, numa visão otimista generalizada.

Os traders independentes também estão com os olhos postos no evento de halving do Bitcoin em meados de Abril. O halving do Bitcoin é um evento que ocorre aproximadamente a cada 4 anos, ou após 210.000 blocos serem minerados, e reduz o número de Bitcoins minerados por bloco em 50%. O halving é programado pelo sistema do Bitcoin para garantir sua escassez, e o evento de halving de meados de abril reduzirá a recompensa por bloco de 6,25 Bitcoins para 3,125.

O halving do Bitcoin tem um histórico de provocar aumentos no preço. O primeiro evento de halving em 2012 foi seguido por uma subida extraordinária, com os preços do Bitcoin subindo de $13 para mais de $1100 no ano seguinte. O evento de halving de maio de 2020 viu o BTC/USD subir de $9,000 para seu pico histórico de $69,000 em novembro de 2021.

Apesar da onda de otimismo atual, o colapso catastrófico no preço do Bitcoin ao longo de 2022 foi um enorme balde de água fria para os entusiastas do Bitcoin e deixou muitos traders sem dinheiro, além de bastante paranoicos. Alguns analistas mantêm-se cautelosos face ao recente aumento de preço e apontam para as desvantagens inevitáveis das criptomoedas, nomeadamente a falta de qualquer suporte fundamental de preço.

“O preço do bitcoin sempre flutuará bastante, devido ao número de verdadeiros adeptos fiéis que querem comprar e no número de céticos que querem vender”, disse Jim Angel, do Centro Psaros de Mercados Financeiros e Política da McDonough de Georgetown. “Se você considerar a conversa sobre o valor do bitcoin, online, quase tudo é análise técnica de curto prazo e não há praticamente informação sobre seu valor fundamental”.

Portanto, embora o otimismo seja abundante e as preocupações com escândalos e fraudes estejam diminuindo, é importante que os traders estejam cientes de que as criptomoedas são extremamente voláteis e dependem quase completamente do sentimento dos traders para mudanças de preço. Se você está considerando negociar Bitcoin ou qualquer outra criptomoeda, evite alavancagem excessiva e garanta que sua estratégia de gestão de risco seja à prova de falhas.

Análise Técnica

Tendo ultrapassado a barreira psicológica de 50.000 USD/BTC na quarta-feira, o Bitcoin continuou a subir e está próximo do nível de 53.300 USD. Com os holofotes virados para o evento de halving e pouca resistência pelo caminho, muitos acreditam que o Bitcoin logo alcançará seu recorde histórico, em torno da marca de 69.000 USD.

BTC/USD 15-02-2024

De um ponto de vista estritamente técnico, o preço da criptomoeda está muito acima de todas as médias móveis (as MMEs de 20, 50, 100 e 200 dias), enquanto a Convergência e Divergência de Médias Móveis mostra um alto volume ascendente, sem sinais de desaceleração, destacando o momento de impulso. O Índice de Força Relativa, por outro lado, está em torno de 81, sugerindo que o Bitcoin está em território de sobrecompra e uma correcção pode estar próxima.

Mantenha-se atualizado

Este formulário tem a dupla confirmação ativada. Você precisará confirmar seu endereço de e-mail antes de ser adicionado à lista.

Fechar
>